domingo, 16 de outubro de 2011

HSVP


No dia 07/10/11 tinha um teste ergométrico agendado para as 08:20 h neste hospital. Cheguei a portaria as 08:15 h e aguardei pela van para subir, chegando a secretaria as 08:20 h, hora em que estava marcada. Fui atendida e direcionada a sala de Cardiologia, onde realizaria o exame.

Pouco tempo depois de estar na sala, a Dra. Lucia Afonso, quem realizaria o exame, veio falar comigo e me dizer que por eu estar atrasada, seria atendida como encaixe caso eu quisesse esperar ou, se fosse o caso de eu não querer esperar, que eu remarcasse. Isso foi dito na sala de espera e num tom super grosseiro. A cena foi tão absurda que fiquei sem reação. As pessoas, que ali aguardavam junto comigo, ficaram horrorizadas e eu também, é claro.

Mesmo estando perplexa, decidi aguardar e fazer o exame porque já foi difícil conseguir agendá-lo e dependia deste resultado para voltar ao meu cardiologista (Dr. Robson) para pegar um atestado para fazer hidroginástica, então não remarcaria por nada nesse mundo, quem dirá por conta do mau humor da médica, que só foi me atender as 10:27h, depois de eu ter reclamado com a enfermeira.

E detalhe, para fazer o exame é necessário jejum de 2 horas, mas como não sabia que horas seria atendida não tinha como comer. Anh, o jejum era de líquidos, inclusive.

Vocês não imaginam o tamanho da minha indignação. Fiquei horrorizada, perplexa.... Não entendi nada porque nem me atrasei tanto assim e se considerarmos o horário que cheguei à secretaria do hospital, nem sequer houve atraso. Enfim...

Todos nós temos problemas pessoais, dormimos mal, acordamos mau humorados, mas daí a descontar tudo isso nas pessoas de forma gratuita não dá né....

Um comentário:

Maria Oliveira disse...

Olá,vim conhecer seu cantinho e já estou super seguindo!
Parabêns pelo Blog e sucesso pra ti!

Se quiser me fazer uma visitinha,será muito bem vinda e se quiser seguir também,sinta-se em casa!
beijinhos no core!

http://umamulherbemvestida.blogspot.com